A Negociação (Arbitrage)

grd-1A Negociação

Filme produzido em 2012, dirigido por Nicholas Jarecki e estrelado por Richard Gere (um dos poucos homens que ficam mais bonitos a media que envelhecem), Susan Sarandon, Tim Roth (o Dr. Lightman de Lie to Me), e Brit Marling.

Robert Miller (Richard Gere) é um milionário que está prestes e vender sua companhia para um grande banco e deseja fazer isso da forma mais rápida possível, para evitar que uma fraude sua seja revelada. Ao mesmo tempo, divide suas atenções entre sua “família perfeita” e sua amante (Laetitia Casta). Ao sofrer um acidente de carro após dormir ao volante, Miller se vê em uma situação inesperada. A amante, que lhe acompanhava, morre e ele  abandona o local do acidente. Daí para frente é uma corrida contra o tempo para fechar uma negociação que salvará a empresa que o tornou um magnata dos negócios, salvar a imagem de sua família, fugir da acusação de assassinato e impedir que um inocente seja acusado injustamente.

Eu adoro ver filmes com Richard Gere, o acho um ótimo ator, figura carimbada em bons filmes e não foi muito diferente nesse. Alguém precisa dizer a Tim Roth que o Lie to Me foi cancelada, por que a todo o momento eu via o jeito de andar, de falar, até de segurar o telefone celular do Lightman. xD

Game of Thrones – 3º Temporada

2488872-9338815588-game-

E mais uma das minhas séries chega ao season finale. ToT

Série americana produzida pela HBO desde Abril de 2011, adaptada da obra “As Crônicas de Fogo E Gelo”, de George R. R. Martin.

game-of-thronesPara se ter uma ideia do sucesso da série, dois dias depois da estreia da primeira temporada, ela foi renovada para uma segunda temporada, a terceira foi confirmada nove dias após o inicio da segunda e a quarta, dois dias depois da estreia da terceira.

Seguindo o estilo Fantasia Medieval, a história se passa nos Sete Reinos de Westeros, onde “verões duram décadas e os invernos uma vida inteira”. O continente é dominado por nove famílias, divididas em oito divisões de influência. Interessante é que cada família possui características distintas, bem demarcadas, e incrivelmente bem trabalhadas. Ao contrário do que estamos acostumados a ver, cada capitulo do livro mostra a vivencia de cada personagem, Game-of-Thrones-Poster2-1que podem estar em cantos opostos do mundo ou vivendo a mesma situação (mostrando lados diferentes do mesmo objeto). Quase todos os personagens principais mudam ao longo dos livros, alguns (muitos) morrem, outros perdem ou ganham importância, ou mesmo são deixados de lado por um tempo.

Mas vamos à série: a proposta inicial, pelo menos foi o que me pareceu, era que cada temporada correspondesse a um livro da série, e até a segunda temporada estava dando certo, mas na terceira percebi que algumas coisas que não estavam no livro “Tormenta das Espadas” foram mostradas, e algumas cenas que simplesmente não existem foram adicionadas (por sinal uma dessas cenas foi ÉPICA!!!). Ainda assim, a adaptação foi FODÁSTICA! A série esta sendo muito bem produzida (sou suspeita para falar, adoro as produções da HBO), os atores foram bem escolhidos, os cenários condizem com os descritos, figurinos, idiomas (já foram mostrados 4 ou 5), EU não consigo ver grandes defeitos, pelo contrário, tudo está ficando cada vez melhor.

Game-of-Thrones-3a-temporada-Posteres-de-personagem-Tyrion-LannisterE pensar que agora só ano que vem… ToT (Acho que o jeito vai ser assistir tudo novamente. rsrsrsr)

Personagens favoritos? Tyrion Lannister, Arya Stark e Jon Snow.

Para quem tiro o chapéu? Tywin Lannister, Pettir Baelish, Varys, Daenerys Targaryen.

Quem eu detesto com todas as minhas forças? Cercei e Jofrey Lannister.

Supernatural – 8ª Temporada

Supernatural

Com o término dessa temporada, 6 das 9 séries que estou acompanhando entram em recesso. Duas estão sendo exibidas e a outra está prevista para começar no próximo mês.

Supernatural é, atualmente, a segunda séria com maior quantidade de episódios que eu vi: 172 episódios contados. A primeira ainda é CSI Las Vegas, com 263 episódios.

Mas chega de papo e vamos ao que interessa:

keep-calm-and-love-winchester tumblr_mcf4uigtgn1r2u7dao1_500

Exibida pelo canal norte-americano The WB desde Setembro de 2005, a série narra a história dos irmãos Sam (Jared Padalecki) e Dean Winchester (Jensen Ackles s2), que, continuando o negócio da família, caçam demônios e outras criaturas sobrenaturais (Bloody Mary, A mulher do espelho, seres mitológicos hindus, japoneses, greco-romanos, anjos, leviatãs, ceifadores, golens, a lista é enorme, e para todos os gostos).

Lá pela quinta ou sexta temporada, muitos fãs previam o cancelamento da série por que parecia ela estava ficando sem rumo, e que a série estava indo de mal a pior (como de fato, estão entre as piores temporadas), mas ela vem resistindo bravamente e, recuperando cada vez mais a fama de “melhor série em exibição do momento” (se é que já não recuperou).

Ela possui uns episódios que você para e pensa “Vou parar de assistir essa m***”, mas acredite, o episódio seguinte te faz desistir da ideia e ainda se culpar por ter dito um sacrilégio desses. xD

Bom, devido à quantidade de episódios vistos, eu não sei mais dizer qual foi a melhor ou a pior temporada, mas eu sei dizer que eu ainda não vi uma temporada terminar sem que eu dissesse ou ouvisse: “Agora ferrou (para não dizer outra palavra) de vez!”, e com a oitava temporada não foi diferente: os anjos estão caindo, Sam está (aparentemente) morrendo, os demônios estão soltos, Deus está desaparecido e, pelo que parece, pouco se importando com o que está acontecendo (o Cara está “off line” desde a temporada do apocalipse, sabemos que Ele está vivo, que sabe o que está acontecendo, desconfiamos de situações que Ele possa ter interferido, e só).

954603_383736965076260_1847229345_n

Personagem de destaque: DEAN! Sempre Dean Winchester! Irmão mais velho de Sam, além de lindo, ótimo caçador, bom estrategista (exceto em alguns episódios), cozinha bem, tem bom gosto para carros (o Chevy Impala 1967 é uma das marcas registradas da série e maior xodó dele), é fã de animes, jogador de RPG (um dos episódios, não lembro se foi da sétima ou da oitava temporada, mostra o Dean todo bobo com um grupo de RPG do estilo live action (a pessoa se veste (literalmente) do personagem e joga atuando)). E é o melhor criador de pérolas da série.

keep-calm-and-love-jensen-ackles-33

A trilha sonora da série não pode ser esquecida: Led Zeppelin e AC/CD são alguns exemplos do que se pode ouvir. Embora não tenha uma trilha sonora fixa, Supernatural privilegia o Rock clássico, principalmente em parceria com algo mais orquestrado.

A nona temporada já está confirmada, e provavelmente estreará na metade do próximo semestre.

Arrow – 1º Temporada

Arrow

Série que mistura drama e fantasia exibida pela primeira vez em outubro de 2012 pela emissora The CW.

Baseada nos quadrinhos do Arqueiro Verde, a série segue a vida de Oliver Queen, um playboy que se perde em uma ilha deserta e que após cinco anos retorna para combater o crime e a corrupção de sua cidade. Ao logo da série, outros personagens da DC Comics aparecem.

Inicialmente pensei que essa seria mais uma daquelas séries monótonas sobre riquinhos que após um trauma viram super-heróis (tirando a “monótona”, bem que lembra certo morcego, certo?), mas essa teoria se provou errada logo nos três primeiros episódios: Oliver não quer salvar a cidade de criminosos “comuns”, ele possui alvos específicos, pessoas poderosas que desapontaram os cidadãos de Starling City. Também cheguei a pensar que ele acabaria se tornando um Robin Hood da vida, mas novamente, me enganei. E muito.

O desenrolar da trama alterna o presente de Oliver com flashes do passado dele na ilha e como ele assumiu o desejo de vingança do pai.

Personagem favorito?  Felicity Smoak. Ela cuida de toda a parte tecnológica do QG, não é muito útil nos combates, mas em muitos episódios ela segurou os ânimos entre Oliver e Diggle (digamos que eles são irmãos de guerra contar os criminosos da cidade). Fora que ela é responsável pelos picos humorísticos dos episódios, e eles são muito bons! xD

tumblr_mmh62kmpBH1qfuk5co1_500

A produção acertou em cheio no momento de encerrar a primeira temporada, o ciclo da história foi bem terminado. Sabemos para onde o enredo se encaminhará (ou temos alguma noção), ao mesmo tempo em que criamos expectativas quanto o que acontecerá com alguns personagens.