My Girlfriend is a Gumiho

images

Dorama exibido em 2010 pela emissora SBS, da Coreia do Sul.

my-girlfriend-is-a-gumiho-ostCha Dae Woong é um rapaz de família rica que sonha em ser ator, um dia, fugindo de seu avô, ele chega até um templo, onde escuta uma mulher pedindo para ser libertada. O que ele faz (se não, não teria história). Acontece que essa mulher é uma Gumiho, uma raposa de nove caudas que, segundo a lenda, devora o fígado dos homens. Assustado com a possibilidade de morrer, ele corre desesperado e acaba caindo de uma ribanceira. Ela, para retribuir o fato de ter sido libertada, dá a ele sua mais preciosa pérola para compartilhar com ele a força a raposa mística. Gumiho então perguntou se ele pode ajudá-la a tornar-se humano e como agir como um. Em troca, ela lhe permitiu usar sua conta para participar de um filme de ação.Gumiho1

Pois bem, o enredo me pareceu promissor, e a Rafaella elogiou TANTO o dorama que eu acabei pegando para ver. Isso foi ano passado acho, e não terminei de ver até hoje (desisti no episódio 11). Achei a história muito parada e sem graça, nem o amigo arroz me convenceu, e olha que o personagem era mais fofo que o principal (quase sempre é). Achei a parte romântica forçada demais.  Enfim, não deu para engolir.

Não vou dizer que seja um dorama ruim (afinal ele fez muito sucesso lá fora), essa classificação é muito subjetiva, vou dizer que não condisse com meus gostos, que não me agradou.

Anúncios

Faith

Faith

ATENÇÃO! PODE CONTER SPOILER!

Dorama Sul-Coreano exibido em 2012 pela emissora SBS.

Composta por 24 episódios, Faith é ambientada em dois períodos completamente diferentes: enquanto uma parte da trama se passa na Gangam do século 21, a outra ocorre durante a Dinastia de Goryeo,que durou entre os anos 918 a 1392. O que nos leva ao primeiro diferencial do dorama, pois os sageuk (dramas épicos) mais comuns se passam durante a Dinastia de Joseon. Traduzindo: Faith foi ainda mais longe na história coreana.

Rei Gong Min (Ryu Duk Hwan) que foi mantido como refém em Yuan (atual China) por um longo período de tempo, torna-se o rei da Goryeo (futura Coréia). Ele se casou com a princesa Noh Gook (Park Se Young), que é a princesa de Yuan. Choi Young (Lee Min Ho, o Jun Pyo de Boys Before Flowers) e seus homens (conhecidos como Wol Dal Chi) de escolta Rei Gong Min e a Princesa Noh Gook de ​​Yuan para Goryeo. No caminho, a comitiva real é atacada e a princesa, gravemente ferida. Ele é então enviado ao futuro para buscar ajuda através de um misterioso portal (acreditava-se que esse portal era, na verdade, a porta dos céus que levaria a algum ser divino que possuía grandes poderes de cura.

Pois bem, Choi Yung entra nesse portal e acaba caindo em plena Seul (Gangam para ser mais especifica) moderna em 2012. Sem entender as coisas que se passavam a sua volta, Choi Yung pergunta a um monge onde o grande médio poderia ser encontrado, e este o orienta a ir a uma convenção de médicos que acontecia na cidade.

Por fim, depois de muita connfusão, ele acaba levando a Dra. Yoo Eun Soo (Kim Hee Seon) para sua época.

Bom, Faith não é do tipo de drama que te faz ver 4 ou 5 episódios de vez (a melhor parte dele começa pelo 8º ou 9º), mas também quando começa a ficar bom, não para mais. Os cenários foram muito bem montados, assim como o figurino dos personagens, e a fotografia ficou muito boa mesmo. A trilha sonora não destoou do que era esperado, mesmo com alguns arranjos modernos, o toque de tradição ficou bem evidente.

Fora que o Lee Min Ho ficou a coisa mais linda do mundo de guerreiro Wol Dal Chi, menos talvez na segunda fase da história.

Esse video mostra um pouquinho da história.

Boys Before Flowers

Boys Before Flowers

Boys Before Flowers é um drama sul-coreano transmitido pela emissora KBS em 2009. Ele é baseado no mangá HanaYoriDango, escrito por Yoko Kamio.

A história gira em torno de Geum Jan Di (KooHye Sun), uma garota da classe média, que ajuda seus pais na lavanderia da família. Não é uma garota rebelde e nem gosta de criar confusões, mas quando é para ajudar seus amigos ou não deixar que a humilhem, faz o que é preciso pra se defender.

Certo dia, enquanto levava a roupa de um estudante da Escola Shinhwa (considerada a melhor do país) ela sem querer salva o dono do uniforme do suicídio. Por tal ato ela ganha uma bolsa de estudos nessa mesma escola, algo que ninguém nunca havia imaginado antes, já que é uma escola de elite e apenas para a nata da sociedade (ouso dizer que ela é destinada para a nata entre a nata da sociedade). De início ela não aceita a proposta, mas pela pressão da família, ela acaba cedendo, sem saber o que lhe espera.

Nessa escola, quem faz as maiores doações dita as regras, e, nesse caso são os quatro garotos conhecidos como F4:

  • Goo Jun Pyo (Lee Min Ho): Líder do F4, é o mais mimado e egoísta de todos, e é o que tem personalidade mais forte também. Sua família é dona do maior conglomerado da Coréia do Sul. É ele um dos responsáveis por fazer da vida de Jan Di um martírio.
  • Yoon Ji Hoo (Kim Hyun Joong): Melhor amigo de Goo Jun Pyo, ele é neto do ex-presidente da Coreia do Sul. Ao longo do dorama ele desenvolve sentimentos pela Jan Di, se contentando em ser um balsamo para ela diante das armações da turma do contra. Ji Hoo possui uma personalidade tranquila, faz o tipo companheiro para todas as horas e é uma das poucas pessoas que conseguem parar JunPyo.
  • So Yi Jung (Kim Bum): Sua família é dona do maior museu de arte do país, alem de ser um grande artista plástico. É o mulherengo do grupo, sendo conhecido por conseguir fazer uma garota se apaixonar em 5 segundos.
  • Song Woo Bin (Kim Joon): Sua família é dona de uma grande empresa de construção e tem conexões importantes com uma grande máfia. Ele é do tipo que defende seus amigos com todas as forças se necessário.

Os personagens básicos da trama são esses, mas antes de encerrar este post preciso fazer mais 3 apontamentos sobre o dorama:

  1. Para vocês terem uma ideia do tamanho do sucesso alcançado por Hana Yori Dango, além de ser adaptado para anime, ele também virou dorama no Japão, na Coreia do Sul e em Taiwan. O mangá ainda é considerado uns dos romances mais vendidos do Japão, e olha que ele foi lançado em 2003;
  2. Deixe de lado todas as suas concepções de riqueza, porque quando se trata do F4, ilhas paradisíacas são só o começo da conversa;
  3. A trilha sonora desse dorama é uma das melhores que eu já ouvi. O curioso é que 80% delas são da boyband SS501, do ator Kim HyunJoong. Quem tiver curiosidade, vale a pena conferir.

Doramas, afinal de contas, o que são?

Dorama

“Dorama é a definição generalizada do gênero série de televisão oriental, seja ela J-Drama (drama japonês), K-Drama (drama coreano), TW-Drama (drama taiwanês), C-Drama (drama chinês) e até mesmo os Live-Action (séries ou filmes baseados em títulos de sucesso de mangá ou anime).”

São equivalentes às nossas minisséries, e como todo seriado, podem ser de amor, ação, musical, espionagem, adulto, etc.

O que me conquistou nos Doramas é que eles não possuem nenhum tipo de apelação, para vocês terem uma idéia, é raro achar um casal que de um “beijo dinâmico”, a maioria só faz um “encostar de bocas”. Além disso, as histórias são leves, não estou dizendo que não acontecem tragédias (por que alguns são piores que novela mexicana), mas elas não interferem na classificação do dorama.

Em todas as histórias que eu já assisti, existem quatro figuras carimbadas:     (essa é uma classificação própria, fiquem a vontade para discordar)

  1. A protagonista: em grande parte dos casos ela é o alvo de toda e qualquer tragédia do enredo, e tem de qualquer tipo, sonsinha, mandona, vingativa, tímida, batalhadora, insistente, teimosa, chorona, quase sempre possuem um talento nato de se meterem em problemas, isso quando elas não geram o problema.
  2. O protagonista: rapazes lindos e maravilhosos, exemplo de perfeição, quase sempre começarão a trama como aquele que todas em volta querem, inclusive a protagonista, mas que, do alto de um pedestal de “eu sou muita areia pro seu caminhãozinho”, maltratam a pobrezinha até o episódio em que admite que gosta dela.
  3. O “amigo arroz”: Sim, o tão incomodo amigo arroz encarna um verdadeiro príncipe montado em um cavalo branco, que salva a protagonista das confusões e humilhações (muitas vezes causadas pelo protagonista). Amigo de todas as horas, gentil e acolhedor, é o rapaz que só quer que a garota seja feliz, mesmo que seja com outra pessoa. É raro acontecer, mas às vezes podem haver mais de um. (Eu ainda quero ver um dorama em que ela termine com esse cara).
  4. A turma “do contra”: são responsáveis por todo e qualquer desencontro e/ou discussão entre os protagonistas, podem ser um amor de infância (geralmente dele), um familiar (dele), ou uma mulher que parece ter sido feita sob medida para o protagonista, ou só alguem que aparece do nada e se declara para a protagonista. De qualquer maneira é essa turma que vai aprontar a história inteira. Essa força contrária ao amor dos pombinhos não precisa ser uma pessoa específica, pode ser uma situação ou mesmo algo que um dos dois simplesmente acha que não está certo no outro.

Podem existir outras figuras-chaves, ou mesmo não ter as que eu falei, mas ai vai de acordo com o enredo de cada Dorama.