All The Right Reasons e Dark Horse (Nickelback)

Álbuns All The Right Reasons e Dark Horse - Nickelback

Além dos livros, das séries e das animações, outro grande hobby é passar horas a fio ouvindo musica. É um dos meus calmantes, e também uma das coisas que me fazem ficar sorrindo que nem uma besta na rua ou no caminho pro estagio/faculdade/casa. Sério, é eu colocar o fone de ouvido que me esqueço do transito, das pessoas, do mundo. Às vezes eu penso que quem me vê na rua deve pensar que sou uma retardada ou coisa do tipo.

Meu gosto musical varia muito. Se alguém pegar a minha playlist neste exato momento, encontrará, por exemplo, a música tema dos desenhos Disney “Anastácia” e “A bela e a Fera”, e artistas como Chico Buarque, Linkin Park, Il Volo, Bon Jovi, Rihanna,etc.

O que me chama atenção? Ritmo, letra, melodia, o que a canção me faz sentir… Acho que no geral gosto das que me colocam pra cima, que me dão vontade de sacudir a poeira, espantar qualquer tipo de tristeza e desanimo, e recomeçar a batalha.

Não tenho uma banda favorita, MAS, a banda canadense Nickelback é a que tem a maior quantidade de musicas que eu gosto. Não me lembro quando comecei a ouvir suas musicas, mas é uma das poucas bandas que eu teria coragem de pagar horrores pra ver um show.

Os álbuns All the right reasons e Dark Horse foram lançados em 2005 e em 2008.

No primeiro, eles apresentaram novas combinações. Não fugiram da guitarra, do baixo e da bateria, mas acrescentaram a presença do piano e de metais, sem deixar de lado a essência hard rock das musicas. Apesar da faixa mais famosa desse álbum ter sido Photograph (difícil encontrar musica mais grude), eu gostei mais de Savin’ me, Animals, Rockstar e If everyone cared. Em questão de videoclipe, nenhuma ganha de Rockstar: a idéia foi pegar pessoas diferentes, artistas de rua, celebridades (incluindo o vocalista de Kiss), turistas, ou mesmo alguém que estava fazendo compras num supermercado, e filmá-las dublando a musica. Afinal de contas quem nunca quis ser um astro do rock?

Dark Horse por sua vez, foi produzido em parceria com Robert Jonh Lange, que já trabalhou com AC/DC, Foreigner, Bryan Adams e Shania Twain. Se não me engano, foi um dos mais premiados da banda. Assim como seu antecessor, Dark Horse junta músicas mais leves com outras mais pesadas. Até agora esse foi o álbum que eu mais aproveitei, das 11 faixas, 8 ou 9 foram direto para o meu MP3,e 5 ainda estão lá e não vão sair tão cedo. Se me pedissem para escolher apenas 4, seriam: If today was your last day, Burn it on the ground (tema de abertura do WWE RAW em 2010 e 2011), This sfternoon e Next go round.

Anúncios

Peço somente educação e corencia. ^^

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s